0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Se pensa que, no homem, ejaculação é sinal de orgasmo, então faz parte da
maioria que acredita que são ambos a mesma coisa, e a verdade é que não
são. Vamos por partes.

No homem, tal como na mulher, o orgasmo diz respeito ao pico do prazer na relação sexual e acontecem no cérebro. Já a ejaculação refere-se ao momento em que se dá a libertação do esperma e ocorre na uretra posterior, próstata e vesículas seminais, sendo um refluxo medular.
Para os muitos homens, ambos acontecem ao mesmo tempo e daí a ideia
generalizada que associa o clímax à ejaculação. Mas, por exemplo, se a
relação sexual se repetir várias vezes no mesmo dia, a quantidade de esperma diminui, podendo acontecer orgasmos sem a expulsão de esperma. Também, em alguns casos, seja por ação de alguns medicamentos, como os
antidepressivos, seja devido a uma cirurgia na região genital, a ejaculação
pode acontecer mais tarde, após o orgasmo, ou não acontecer de todo.

Anejaculação – Ausência total de ejaculado, mas é mantida a sensação orgásmica. A Maioria dos casos deve-se a causas psicológicas por receio de gravidez. Nestes casos, existem ejaculações fora do coito.

Ejaculação retrógrada – Com ausência total ou parcial de emissão do ejaculado, devido ao insuficiente encerramento do esfíncter uretral interno. O orgasmo acontece, enquanto o esperma passa da uretra posterior para o interior da bexiga.
Por outro lado, ejacular sem atingir o pico do prazer também pode acontecer.
É, aliás, mais comum do que se imagina. Muitos homens sofrem de uma perturbação denominada “ejaculação precoce”. Isto acontece quando, devido a uma complicação fisiológica, stresse ou ansiedade, a ejaculação é tão rápida, que o homem não chega sequer a atingir a sentir prazer e atingir o auge. Pode também dever-se a baixos níveis de estimulação. Embora haja expulsão de esperma, o orgasmo não chega a acontecer.

Ejaculação prematura – É a mais frequente das disfunções sexuais
masculinas. Atinge cerca de 30-35% dos homens, em qualquer da idade.
Acontece quando a ejaculação se produz antes do momento desejado pelo homem. A principal e mais frequente causa é psicológica.

Muitos homens com disfunção sexual vivem em segredo e sofrimento essa
condição. Por motivos sociais e culturais, poucos procuram ajuda médica.
Sejam causas psicológicas, anatómicas ou neurológicas, o diagnóstico e
tratamento adequados resolvem a maioria das situações.

Fontes:
https://super.abril.com.br/mundo-estranho/o-homem-pode-sentir-orgasmo-sem- ejacular/
https://observador.pt/2015/12/17/os-orgasmos-masculinos-tambem-lhe-diga/
https://lifestyle.sapo.pt/saude/saude-e-medicina/artigos/disfuncao-ejaculatoria- o-que-e-e-como-tratar