0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O Dia da Mãe está aí e nesta altura aumenta o desejo de ser mãe. Mas qual a melhor altura para engravidar? Para tal, ajuda saber identificar o período fértil, e não é assim tão difícil.
Mas antes de chegarmos lá, precisamos de saber o que é o período fértil!

Período fértil
O período fértil consiste no intervalo de tempo, em cada ciclo menstrual, em que existe uma maior probabilidade de ocorrer a gravidez. Tem a duração de seis dias: o dia da ovulação e os cinco dias anteriores.
Os espermatozóides conseguem sobreviver até cinco dias no sistema reprodutor feminino e o ovócito pode ser fecundado até cerca de 12 horas após ter sido libertado.
Dado que para que tenham mais capacidade de fecundar um ovócito, os espermatozóides têm de sofrer algumas modificações já no sistema reprodutivo feminino, as relações sexuais que mais frequentemente resultam em gravidez ocorrem um a dois dias antes da data da ovulação.

Como detetar que está no período fértil?
Existem algumas formas que podem ajudar a perceber se está no período fértil. Mas dependem de mulher para mulher.
De uma maneira geral, a ovulação ocorre cerca de 14 dias (aproximadamente duas semanas) após o primeiro dia do período menstrual. Se a mulher tiver um ciclo menstrual regular, é mais fácil apurar o dia aproximado da ovulação e ter mais hipóteses de engravidar. Outra forma de saber se está no período fértil é através de um teste de ovulação, que pode adquiri numa farmácia.

Outra forma ainda é saber reconhecer os sintomas, das alterações fisiológicas que ocorrem no corpo da mulher durante esse período, são eles:
 Corrimento vaginal torna-se mais translúcido e elástico, filoso e escorregadio (chamado “clara de ovo”);
 Dor pélvica, algumas mulheres têm essa dor, geralmente ligeira, mas por vezes intensa;
 Pequena perda de sangue vaginal, devido às alterações hormonais associadas à ovulação.

Se está a planear engravidar esperamos que estas dicas a possam ter ajudado para que no próximo ano tenha um Dia da Mãe ainda mais especial.
Feliz dia da Mãe!

Fontes: Saber Viver; Medis